sábado, 17 de novembro de 2012

Amigo colorido


Amigo colorido



Há muito que aqui não vinha,mas não posso deixar de relatar o que me aconteceu nestes dias.
Carlos o meu melhor amigo e colega de trabalho,sempre me tinha falado do Duarte, seu amigo de infância e companheiro na arte de sacar gajas;mas nunca tinha tido a sorte de conhecer a peça.
Eis que um belo dia o dito cujo e aparece no escritório para um almoço com o Carlos.
O rapaz era professor de Português e tinha aquele ar de menino da mamã, misturado com garanhão que me pôs logo com a cona aos saltos.
Não era especialmente bonito, mas era sexy pra caralho e tinha o melhor corpo que até hoje já vi,pois além de prof.praticava um desporto qualquer.
Mal lhe pus os olhos em cima imaginei-me numa aula, com uma mini-saia colegial, de joelhos na sala a fazer um broche ao stor.
No meio do meu sonho, fui interrompida pelo Carlos:
"-Este é o Duarte, o meu bro de quem te falei."
Tocamos dois beijos e um olhar que me arrepiou até á nuca.
"-Prazer!" disse.
"- O prazer seria todo meu".Respondeu a encomenda,com um sorrisinho á fodasse.
Sorri para ele e dei meia volta, desejando bom almoço.
Escusado será dizer que não fiz mais nada essa tarde, senão pensar no Duarte e em como lhe gostaria de mostrar os meus dotes.
Quando Carlos regressou,vinha sozinho,mas com um bilhetinho do Duarte:
"-Se um dia te apetecer, liga-me."
Andei a semana às voltas com o número do Duarte na cabeça. Ligo, não ligo e lá liguei.
"- Sou eu, a amiga do Carlos.Sabes? Hoje apetece-me!"
Ele fez uma pausa do outro lado e disse:
"-Anota a morada e vem ter comigo a minha casa!"
Assim fiz!
Quando lhe bati á porta,apareceu-me com roupa de desporto e vi que nada tinha por baixo.Que tusa!Que corpo!Que homem!
Entrei e ficámos os dois a olhar um para o outro sem saber o que dizer. Um cigarro para quebrar o gelo e derrepente o Duarte encosta-me á parede e saca-me um beijo de cortar a respiração. Senti o seu caralho a crescer nas calças.
A minha cona latejava, pingava como uma torneira. Comecei a despi-lo e mal olhei para aquele caralho gelei. O homem era mais do que abonado. Pus-me de joelhos e o Duarte enfiou-me o dito pela boca dentro até me engasgar! Chupei-o e lambuzei-me nele até me fartar.
O Duarte empurrava-me a cabeça e só dizia:"-Chupa-me todo minha puta!"
Ao que eu respondia sem me fazer de rogada.
Subitamente Duarte pega-me ao colo, leva-me até ao quarto atira-me para cima da cama e começa a lamber-me a cona e a foder-me com os dedos.
Fiquei louca. Este homem sabia o que fazia,fez-me vir eu nem sei quantas vezes e quando se fartou, enfiou-me o caralho pela cona dentro, todo de uma só vez. Eu gritei,mas ele tapou-me a boca e disse:
"-Cala-te puta! Cala-te que vais gostar!"
Fodeu-me que nem um cabrão. O seu caralho ocupava toda a minha cona! Que piça! Que foda!
Saí de baixo dele e agora era a minha vez de fode-lo. Montei-o vezes sem conta até quase o fazer vir, não sem antes perguntar:
"- E o cú? Não me comes?
Foi o que ele quis ouvir!
Pegou-me novamente ao colo e pos-me de quatro.Enfiou um dedo no meu cuzinho e disse:
"-Pronta para mim?"
"-Sempre!" disse
Sem mais esperar senti aquele caralho entrar em mim e foi com um misto de prazer o dor que o recebi. Enquanto me comia o cu, esfregava-me o grelinho com a mão até me fazer vir.
Gozei até dizer chega.
"-És uma foda e tanto Duarte!"
Ao ouvir isto, o belo rapaz tirou o caralho do meu cú e veio-se todo na minha boca. Olhei para ele e vi em seus olhos o prazer que sentiu.
Estafados na cama a olhar um para o outro começamos a rir.
"-Que bela hora de almoço!" Disse o Duarte.
"-Verdade!" Respondi
"-Foi ótimo,mas quero mais!" respondeu o Duarte! "Ainda temos muito que explorar!"
"-Hoje não!" Disse eu. "Acabou a diversão que tenho que regressar ao trabalho. Quando me apatecer volto a ligar-te!"
Ele sorriu e respondeu:
"-Sim minha doida!"
Vesti-me e fui-me embora ainda cheia de tusa por aquele pedaço de homem. Não acabou por aqui,mas um dia destes conto o resto.

8 comentários:

  1. a minha morada é muito simples de decorar....

    ResponderEliminar
  2. e nos, quando te dou uma foda? disseste que iamos fazer história... leio isto e fico cheio de tusa

    ResponderEliminar
  3. Ola Casada...
    Deixas me doido....acesso....
    Como apetece...almoçar....

    Adorei

    omeusegredo79.blogspot

    ResponderEliminar
  4. Uau! uau! uau. adorei os posts. Fantásticos. Boa escrita! :) Muito estimulante.

    Conheçam a nova rede social para adultos.
    www.clube-privado.com
    Para amantes do Erotismo, a rede social mais liberal do país.
    O Erotismo faz bem ao coração.
    Atrevem-se?!
    Criada com todo o bom gosto e toda a vontade de facilitar a realização de muitas fantasias, por aí fora! Espreitem e fiquem à vontade!

    ResponderEliminar